Doação de órgãos e tecidos em hospital público de Pernambuco

Autores

Resumo

O objetivo desta pesquisa foi realizar levantamento sobre a frequência das doaçõesde órgãos ou tecidos no Hospital Regional do Agreste, Caruaru/PE. Trata-se de estudo descritivo, retrospectivo, com base nos dados de 439 prontuários que registraram as doações realizadas no hospital entre janeiro de 2011 e dezembro de 2014. As doações oscilaram no período considerado e diminuíram no último ano da série, ficando sempre muito abaixo do número de potenciais doadores. Além disso, a doação de tecido foi muito superior à de órgãos. Os resultados demonstram que é imprescindível criar medidas públicas permanentes para conscientizar a população sobre a importância do tema. 

Palavras-chave:

Morte encefálica. Obtenção de tecidos e órgãos. Políticas públicas de saúde. Sensibilização pública. Traumatismos craniocerebrais.

Como Citar

1.
Monteiro ET, de Albuquerque SP, Melo R de S. Doação de órgãos e tecidos em hospital público de Pernambuco. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 20º de março de 2020 [citado 16º de junho de 2024];28(1). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/1777