Bioética de intervenção: considerações sobre a economia de mercado

Autores

  • Dora Porto Conselho Federal de Medicina
  • Volnei Garrafa

Resumo

Este trabalho apresenta os marcos teóricos da bioética de intervenção a partir de seu documento referencial – Intervention bioethics: a proposal for peripheral countries in a context of power and injustice – apresentado na sessão de abertura do Sexto Congresso Mundial de Bioética. A bioética de intervenção caracteriza-se por ser uma discussão aberta e plural, voltada à complexidade das relações de produção e inter-relações humanas nas sociedades contemporâneas. Para atingir tal objetivo, faz-se necessário romper os limites cartesianos que circunscrevem os saberes a campos específicos, gerando
conhecimentos transdisciplinares capazes de responder dinamicamente às transformações da realidade; o que, basicamente, constitui o campo da ética aplicada.

Palavras-chave:

bioética de intervenção, corporeidade, direitos humanos, saúde coletiva

Biografia do Autor

Dora Porto, Conselho Federal de Medicina

antropóloga, especialista em bioética e doutora em Ciências da Saúde pela Universidade de Brasília (UnB), assessora da Rede Latino-Americana e do Caribe de Bioética da Unesco e 3ª vice-presidente da Sociedade Brasileira de Bioética – SBB (2007-2009).

Volnei Garrafa

Professor titular e coordenador da Cátedra Unesco de Bioética da UnB e presidente do Conselho Diretor da Rede Latino-Americana e do Caribe de Bioética da Unesco – Redbioética

Publicado:

2009-09-14

Downloads

Como Citar

1.
Porto D, Garrafa V. Bioética de intervenção: considerações sobre a economia de mercado. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 14º de setembro de 2009 [citado 22º de fevereiro de 2024];13(1). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/96