O significado da relação médico-paciente para alunos de Medicina

Resumo

Objetivou-se conhecer o significado da relação médico-paciente para alunos da Universidade do Vale do Sapucaí (Univas). Com método qualitativo do tipo exploratório e diretriz metodológica do discurso do sujeito coletivo, entrevistaram-se 60 alunos, do primeiro, segundo e sexto ano. Notou-se que os iniciantes entendem como relação médico- paciente uma relação de afinidade e afetividade, não havendo distinção entre patológico e emoções envolvidas. Ao fim do curso, nota-se que a postura do aluno complementa-se: consegue distinguir suas emoções e tratar de maneira eficiente o paciente. Pode-se afirmar que as reformas curriculares são fundamentais para a formação acadêmica, incluindo o ser humano como um ser psicossocial e não apenas portador de lesões ocultas. Encorajam-se estudos dessa natureza, que podem ser realizados com a intenção de ampliar o conhecimento de bioética na relação médico-paciente, estendendo-se a populações com características distintas em diferentes locais.

Palavras-chave:

Relações médico-paciente. Bioética. Acadêmicos.

Como Citar

1.
O significado da relação médico-paciente para alunos de Medicina. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 27º de dezembro de 2011 [citado 18º de abril de 2024];19(3). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/675