Bioética e HIV/Aids: discriminação no atendimento aos portadores

Autores

  • Cléa Adas Saliba Garbin
  • Artênio José Isper Garbin
  • Suzely Adas Saliba Moimaz
  • Márcio Penha do Carmo

Resumo

A discriminação é uma atitude que menospreza os indivíduos acarretando injustiças sociais. O objetivo deste trabalho foi avaliar a existência de discriminação por meio da análise de
aspectos éticos envolvidos no atendimento a pacientes HIV soropositivos por profissionais de saúde. Foi realizada uma pesquisa transversal e quantitativa, empreendida em agosto de 2008, que utilizou questionário fechado e contou com a participação voluntária de 69 pessoas enfermas, participantes do Programa Nacional de DST/Aids, no município de Três Lagoas/MS, Brasil. Constatou-se que dentre as situações discriminatórias vivenciadas pelos portadores do HIV, quatorze foram realizadas por profissionais de enfermagem, doze por médicos, seis por
profissionais auxiliares e duas por cirurgiões-dentistas. Das pessoas que sofreram discriminação 85,3% afirmaram ter sido discriminadas no serviço público de saúde. Conclui-se deste quadro que é urgente a construção de uma nova consciência moldada em princípios éticos, capaz de
esclarecer os profissionais sobre sua atitude diante da infecção por HIV, visando à humanização na assistência a saúde e a melhoria na qualidade de vida dos pacientes.

Palavras-chave:

Síndrome da Imunodeficiência Adquirida, Bioética, Sorodiagnóstico da Aids, Pessoal de saúde

Biografia do Autor

Cléa Adas Saliba Garbin

Doutora em Odontologia Legal e Deontologia, professora adjunta da disciplina de Bioética e Odontologia Legal do Dept° de Odontologia Infantil e Social da Faculdade de Odontologia de Araçatuba (FOA/Unesp), Araçatuba, São Paulo, Brasil.

Artênio José Isper Garbin

Professor assistente da disciplina de Orientação Profissional na Faculdade de Odontologia de Araçatuba, Universidade Estadual Paulista (Unesp), Araçatuba, São Paulo, Brasil

Suzely Adas Saliba Moimaz

Professora adjunta da disciplina de Epidemiologia na Faculdade de Odontologia de Araçatuba, Universidade Estadual Paulista (Unesp), Araçatuba, São Paulo, Brasil

Márcio Penha do Carmo

Aluno de mestrado do programa de pós-graduação em Odontologia  Preventiva e Social da Faculdade de Odontologia de Araçatuba, Universidade Estadual Paulista (Unesp), Araçatuba, São Paulo, Brasil

Publicado:

2010-03-01

Downloads

Como Citar

1.
Garbin CAS, Garbin AJI, Moimaz SAS, Carmo MP do. Bioética e HIV/Aids: discriminação no atendimento aos portadores. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 1º de março de 2010 [citado 22º de junho de 2024];17(3). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/514