Avaliação ética em pesquisa social: o caso do sangue Yanomami

Autores

  • Débora Diniz

Resumo

Este artigo discute caso paradigmático para a ética na pesquisa com seres humanos: a expedição de James Neel e Napoleon Chagnon no final dos anos 60 entre os yanomamis. A expedição Nell/Chagnon resultou na coleta de 12.000 amostras de sangue que se encontram armazenadas em universidades estadunidenses, dedicadas ao Projeto Genoma Humano. Neste artigo, o caso do sangue Yanomami é o pano de fundo para a discussão de questões centrais sobre a participação de populações vulneráveis na pesquisa científica nas Ciências Humanas e da Saúde: termo de consentimento livre e esclarecido, pagamento pela participação na pesquisa, uso e
divulgação de dados de pesquisa considerados secretos para a população pesquisada.

Palavras-chave:

Ética na pesquisa, População vulnerável, Yanomami

Biografia do Autor

Débora Diniz

Doutora em Antropologia pela Universidade de Brasília, professora adjunta da Universidade de Brasília,
pesquisadora do Instituto de Bioética Direitos Humanos e Gênero (Anis) e integrante da diretoria da International
Association of Bioethics (IAB)

Publicado:

2009-07-03

Downloads

Como Citar

1.
Diniz D. Avaliação ética em pesquisa social: o caso do sangue Yanomami. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 3º de julho de 2009 [citado 20º de abril de 2024];15(2). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/48