Bioética e inteligência artificial: panorama atual da literatura

Autores

Resumo

O termo inteligência artificial refere-se à realização, por dispositivos computacionais, de processos intelectuais característicos dos seres humanos, como raciocinar, descobrir significados, generalizar ou aprender com experiências. A atuação da inteligência artificial ocorre quando programas computacionais realizam ações para as quais não foram explicitamente programados. Apesar de o conceito ser bem definido, o desempenho dessa tecnologia é muito complexo, de modo que a bioética encontra diversos conflitos e questões relacionadas a ela, muitas vezes esclarecidas apenas no momento em que surgem. Embora regulamentações tenham sido instituídas ao longo do desenvolvimento da área, ela constantemente passa por adaptações, o que justifica novos estudos sobre o tema.

Palavras-chave:

Bioética. Inteligência artificial. Controle da tecnologia biomédica.

Biografia do Autor

Erica Antunes Naves, Departamento de Radiologia UnitedHealth Group Brasil

Médica radiologista subespecialista em Neurorradiologia e Radiologia de Cabeça e Pescoço

Departamento de Radiologia, UnitedHealth Group Brasil

São Paulo, SP, Brasil

Como Citar

1.
Naves EA. Bioética e inteligência artificial: panorama atual da literatura. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 20º de maio de 2024 [citado 16º de junho de 2024];32. Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/3552