Formando médicos para a Medicina de Família e Comunidade

Autores

  • Marco Aurélio Janaudis
  • Pablo González Blasco
  • Cynthia Haq
  • Joshua Freeman

Resumo

A Conferência Internacional sobre Atenção Primária à Saúde, organizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em Alma-Ata, estreava o conceito de ‘Saúde para todos’  onvocando a totalidade dos países a revisar os seus sistemas de saúde, tornando-os acessíveis à população. Em 1994, o Brasil lança o Programa Saúde da Família. A universidade não prepara adequadamente médicos para este trabalho. O envolvimento dos estudantes de Medicina com a Medicina de Família cresceu nos últimos dez anos como decorrência do trabalho de formação continuada, de caráter não curricular. A motivação do estudante e a reflexão vocacional, a visualização do professor como exemplo de aprendizado, a inserção precoce no atendimento ao paciente com acompanhamento
longitudinal, fomentando os esquemas de comunicação e preparando futuros professores, são oportunidades excelentes a serem aproveitadas.

Palavras-chave:

Medicina de Família, Atenção primária

Biografia do Autor

Marco Aurélio Janaudis

Professor auxiliar do
Departamento de Saúde
Coletiva da Faculdade de
Medicina de Jundiaí,
doutorando na Universidade de
São Paulo e secretário-geral da
Sociedade Brasileira de Medicina
de Família (Sobramfa)

Pablo González Blasco

Doutor em Medicina e diretor científico da Sobramfa

Cynthia Haq

Professora de Medicina de Família, diretora da graduação médica e saúde internacional na Universidade de Wisconsin, colaboradora da Sobramfa,
consultora para projetos internacionais em Medicina de Família da Organização Mundial dos Médicos de Família (OMS/Wonca)

Joshua Freeman

Professor titular do Departamento de Medicina de  Família na Universidade de
Kansas, colaborador da Sobramfa e pesquisador da Fulbright no Brasil

Publicado:

2009-07-03

Downloads

Como Citar

1.
Janaudis MA, Blasco PG, Haq C, Freeman J. Formando médicos para a Medicina de Família e Comunidade. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 3º de julho de 2009 [citado 4º de março de 2024];15(1). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/27