Editorial: Combate à violência contra crianças e adolescentes: desafio para a sociedade brasileira

Autores

Resumo

A ideia de infância vem variando ao longo dos séculos e entre culturas. Conforme Narodowski, a infância é fenômeno histórico e não meramente natural, e, no Ocidente, suas características precípuas podem ser classificadas como heteronomia, dependência e obediência ao adulto em troca de proteção 1. Essa perspectiva vai ao encontro da proposição de Philippe Ariès, para quem é preciso aceitar que a infância, tal qual é entendida hoje, resulta inexistente antes do século XVI  2.

Palavras-chave:

Bioética. Violência. Crianças e adolescentes.

Como Citar

1.
Porto D, Ferreira S. Editorial: Combate à violência contra crianças e adolescentes: desafio para a sociedade brasileira. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 20º de março de 2018 [citado 18º de abril de 2024];26(1). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/1816