Bioética e atendimento a mulheres vítimas de violência sexual: revisão de literatura

Autores

  • Paula Peixoto Messias Barreto Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb).
  • Juciara de Santana Silva Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb).
  • Edite Lago da Silva Sena Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb).
  • Rita Narriman Silva de Oliveira Boery Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb).
  • Sérgio Donha Yarid Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb).

Resumo

Buscando efetuar revisão de literatura sobre atendimento a mulheres vítimas de violência sexual, realizou-se busca em periódicos indexados nas bases de dados da Biblioteca Virtual de Saúde e Scopus, considerando publicações a partir do ano de 2003. A coleta de dados foi realizada em maio de 2013, utilizando descritores “violência sexual” (“sexual violence”), “assistência” (“assistance”), “serviços de saúde da mulher” (“women’s health services”), “aborto” (“abortion”) e “gravidez” (“pregnancy”). Foram recuperados quinze artigos, e os resultados foram agrupados em categorias temáticas: aspectos bioéticos relacionados ao acesso de mulheres a serviços de atendimento, e aspectos bioéticos presentes no atendimento. A discussão ocorreu à luz da bioética do risco e proteção, evidenciando que o Estado deve garantir a universalidade do acesso às vítimas de violência sexual e os profissionais de saúde devem estar bioeticamente preparados para esse atendimento.

Palavras-chave:

Bioética. Violência sexual. Serviços de saúde da mulher.

Como Citar

1.
Barreto PPM, Silva J de S, Sena EL da S, Boery RNS de O, Yarid SD. Bioética e atendimento a mulheres vítimas de violência sexual: revisão de literatura. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 20º de julho de 2016 [citado 29º de fevereiro de 2024];24(2). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/1293