Eutanásia e suicídio assistido em países ocidentais: revisão sistemática

Autores

  • Mariana Parreiras Reis de Castro Universidade José do Rosário Velano - Unifenas BH
  • Guilherme Cafure Antunes Universidade José do Rosário Velano - Unifenas BH
  • Lívia Maria Pacelli Marcon Universidade José do Rosário Velano - Unifenas BH
  • Lucas Silva Andrade Universidade José do Rosário Velano - Unifenas BH
  • Sarah Rückl Universidade de Heidelberg, Heidelberg, Alemanha
  • Vera Lúcia Ângelo Andrade Universidade José do Rosário Velano - Unifenas BH

Resumo

Em 2015 a temática da morte assistida foi amplamente divulgada pela mídia após o primeiro caso legal de eutanásia ter sido realizado na Colômbia. Além disso, no mesmo ano, o suicídio assistido foi legalizado no Canadá e no estado da Califórnia, nos Estados Unidos. Atualmente, a morte assistida é permitida em quatro países da Europa Ocidental: Holanda, Bélgica, Luxemburgo e Suíça; em dois países norte-americanos: Canadá e Estados Unidos, nos estados de Oregon, Washington, Montana, Vermont e Califórnia; e na Colômbia, único representante da América do Sul. A partir de revisão sistemática da literatura, objetivou-se estabelecer a prevalência e os critérios adotados para a prática da eutanásia e do suicídio assistido em países ocidentais e discutir a posição de países onde essa prática não é reconhecida. Uma melhor compreensão do assunto mostra-se fundamental para a formação de opiniões e fomento de futuros debates.

Palavras-chave:

Morte assistida. Eutanásia. Suicídio assistido. Cuidado paliativo.

Como Citar

1.
de Castro MPR, Antunes GC, Marcon LMP, Andrade LS, Rückl S, Andrade VL Ângelo. Eutanásia e suicídio assistido em países ocidentais: revisão sistemática. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 20º de julho de 2016 [citado 21º de fevereiro de 2024];24(2). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/1142