Vulnerabilidade de adolescentes em pesquisa e prática clínica

Autores

  • Débora de Oliveira Santos
  • Fabíola Alves Gomes
  • Kely Raspante Teixeira
  • Leonardo Roever
  • Marceila de Andrade Fuzissaki
  • Tales Faleiros
  • Taís de Campos Lima

Resumo

Os adolescentes são considerados grupo vulnerável e exposto a diferentes ameaças à saúde, tornando-se necessária a discussão sobre aspectos éticos relacionados a sua participação em pesquisa e prática clínica. Por meio de revisão integrativa de literatura foram selecionados estudos que abordaram aspectos bioéticos relacionados à vulnerabilidade de adolescentes nos últimos quinze anos. Nove artigos atenderam aos critérios pré-estabelecidos para o estudo e foram agrupados em três categorias: 1) trabalhos que pontuaram a compreensão psicológica e cognitiva do adolescente ao participar de pesquisa científica; 2) estudos que enfatizaram aspectos relacionados a decisões médicas; e 3) estudos que abordaram a temática da sexualidade na adolescência. Após análise dos estudos selecionados, verificou-se que não é possível chegar a consenso válido para todas as situações que envolvem adolescentes em pesquisa e prática clínica.

Palavras-chave:

Vulnerabilidade. Adolescência. Bioética.

Como Citar

1.
Santos D de O, Gomes FA, Teixeira KR, Roever L, Fuzissaki M de A, Faleiros T, et al. Vulnerabilidade de adolescentes em pesquisa e prática clínica. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 30º de março de 2017 [citado 21º de fevereiro de 2024];25(1). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/1141