A eticidade de pesquisas bioantropológicas de delinquência no cenário científico contemporâneo

Resumo

A criminalidade ou a delinquência foram objeto de diversas investigações na busca por bases científicas para sua solução. O presente trabalho objetiva analisar se seria razoável, do ponto de vista ético, o desenvolvimento de pesquisas que visam investigar elementos ou modelos bioantropológicos de delinquência no contexto contemporâneo. Foram aplicados os métodos dedutivo e comparativo para verificar se pesquisas do mesmo gênero, como o estudo proposto no Brasil em 2008, teriam respaldo moral no contexto atual, tendo em vista os fundamentos da bioética principialista e de reflexões da teoria política e jurídica que destacam a hipossuficiência do indivíduo perante a atuação punitiva do Estado.

Palavras-chave:

Bioética, Ética em pesquisa, Delinquência juvenil, Criminologia, População vulnerável

Como Citar

1.
A eticidade de pesquisas bioantropológicas de delinquência no cenário científico contemporâneo. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 10º de dezembro de 2013 [citado 14º de abril de 2024];21(3). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/857