Atitudes dos profissionais de obstetrícia em relação à escolha da via de parto em Porto Velho, Rondônia, Brasil

Resumo

O artigo apresenta pesquisa motivada pelo aumento constante da incidência de cesarianas, verificado em vários países latinos e também no mundo desenvolvido, o que tem
estimulado necessárias e inadiáveis discussões no campo da bioética. O estudo buscou investigar e analisar a opinião, atitudes, comportamentos e condutas de 62 profissionais especialistas em saúde materno-infantil que atuam no município de Porto Velho. Os dados deste trabalho
corroboram o inegável conflito ético na prática obstétrica quando se trata de escolha da via de parto, que se materializa, principalmente, na ambiguidade dos índices de cesarianas registrados na rede pública em contraposição aos elevados índices de cesarianas verificados na saúde
suplementar.

Palavras-chave:

Cesárea. Parto normal. Atitudes. Obstetrícia.

Como Citar

1.
Atitudes dos profissionais de obstetrícia em relação à escolha da via de parto em Porto Velho, Rondônia, Brasil. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 7º de janeiro de 2011 [citado 25º de junho de 2024];18(3). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/591