O olhar da Bioética de Intervenção no trabalho do cirurgião-dentista do Programa Saúde da Família (PSF)

Evelise Ribeiro Gonçalves, Flávia Regina Souza Ramos, Volnei Garrafa

Resumo


O artigo parte de tese de doutorado sobre o trabalho do cirurgião-dentista na estratégia de Saúde da Família, que analisa o cotidiano das atividades dos profissionais da rede municipal com base na percepção dos próprios. Discute-se como seu trabalho expressa o referencial da Bioética de Intervenção, que considera a busca por integralidade, justiça sanitária e inclusão social pressupostos básicos para a efetivação da cidadania. Foram entrevistados um representante da gestão municipal e 17 cirurgiões-dentistas. Foram analisadas as rotinas de acesso ao serviço; os serviços de referência; o estabelecimento de vínculo e a participação popular e controle social. As rotinas de acesso mostraram-se adequadas às linhas de cuidado, mas ainda ineficientes no cumprimento da universalidade. O serviço de referência apresenta falhas; e a participação popular e o controle social ainda não acontecem de forma concreta, podendo haver incentivo à população para participação nos conselhos locais de saúde, espaços para construção da
cidadania.

Palavras-chave


Assistência odontológica. Bioética. Programa Saúde da Família.

Texto completo:

PDF PDF (English)