Direitos e Deveres do Paciente Terminal

Franklin Leopoldo e Silva

Resumo


Este texto procura focalizar a questão dos direitos e deveres do paciente terminal por meio dos três grandes princípios da bioética: autonomia, beneficência e justiça. A singularidade da situação terminal faz aparecer de forma mais nítida a substância ética da relação médico-paciente. Na situação-limite vivida pelo paciente como pessoa, devem ser vistos como básicos e incontornáveis os direitos de saber a verdade, dialogar, decidir e não sofrer inutilmente.


Palavras-chave


Paciente terminal; direitos; deveres

Texto completo:

PDF