O consentimento livre e esclarecido e a realidade do analfabetismo funcional no Brasil: uma abordagem para a norma e para além da norma

Autores

  • Cláudio Lorenzo

Resumo

O presente artigo discute a questão da inadequação das normas brasileiras de ética da pesquisa, dirigidas à obtenção do consentimento livre e esclarecido, no que diz respeito à coerência
entre o que prescreve a norma e a gravidade do analfabetismo funcional no Brasil. A partir dessa perspectiva, discute a força e os limites das normas dentro dos sistemas de controle social da
pesquisa e propõe alterações no modelo brasileiro, tanto no campo normativo quanto no campo estrutural do sistema.

Palavras-chave:

Ética, Bioética, Pesquisa, Analfabetismo, Consentimento, Vulnerabilidade, Autonomia, CEP, Conep

Biografia do Autor

Cláudio Lorenzo

Professor adjunto do Departamento de Medicina Preventiva e Social, Faculdade
de Medicina da Bahia, Universidade Federal da Bahia (UFBA)

Publicado:

2009-07-03

Downloads

Como Citar

1.
Lorenzo C. O consentimento livre e esclarecido e a realidade do analfabetismo funcional no Brasil: uma abordagem para a norma e para além da norma. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 3º de julho de 2009 [citado 25º de maio de 2024];15(2). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/47