Reflexões éticas na atenção à saúde de pacientes com HIV

Gabriela Almeida Nogueira Lins, Lívia Maria Pordeus Coura Urtiga, Alice Slongo, Ana Letícia Ferreira Ventura, Ana Karolina Gomes Domiciano Cabral, Luana Barbosa Parente, Mayane Maria Fernandes dos Santos, Maysa Ramos de Lima, Natália Sampaio Freitas, Tainah Gonçalves Fernandes

Resumo


Neste trabalho, pretendeu-se analisar aspectos éticos no seguimento terapêutico de pacientes com HIV mediante revisão sistemática de literatura, realizada por meio de pesquisas nas bases PubMed, LILACS e MEDLINE, usando descritores em inglês e português, com 169 publicações de 2011 a 2021. Para evitar viés, foi utilizado o método Prisma e consideradas as recomendações estabelecidas pelo sistema Grading of Recommendations Assessment, Development and Evaluation para classificação do nível de evidência. O bem-estar de pacientes com HIV está associado ao nível de relações interpessoais, qualidade do tratamento e crenças pessoais. A estigmatização e o medo da divulgação da doença nos grupos em que convivem são os principais motivos de aflição. Com isso, é fundamental um maior apoio aos pacientes durante o diagnóstico e tratamento da doença, para que possam elaborar melhor suas
estratégias de enfrentamento.


Palavras-chave


Síndrome da imunodeficiência adquirida. HIV. Ética.

Texto completo:

PDF PDF (English) PDF (Español)


CC-BY. Creative Commons Attribution 4.0 International.