Espiritualidade na concepção do paciente oncológico em tratamento antineoplásico

Nayara Tomazi Batista, Armando dos Santos Trettene, Francely Tineli Farinha, Cláudia Regina Matiole, Ana Paula Ribeiro Razera

Resumo


Objetivou-se desvelar a concepção dos pacientes oncológicos em tratamento antineoplásico sobre a espiritualidade, e compreender sua influência no enfrentamento da doença. Trata-se de um estudo transversal, de delineamento qualitativo, realizado no ambulatório de quimioterapia de um hospital público. A partir da metodologia de saturação teórica, a amostra constou de 18 participantes. Para confecção dos resultados utilizou-se a Análise de Conteúdo Temática, que revelou três categorias: a fé como sinônimo de esperança e fortalecimento frente ao diagnóstico da doença; a fé e a religião como modalidade de enfrentamento; a fé resinificando o sofrimento e a concepção da vida. Para os participantes deste estudo, a espiritualidade representou sinônimo de esperança, amparo e de significado ao sofrimento vivenciado, estabelecendo-se como modalidade de enfrentamento da doença oncológica.


Palavras-chave


Espiritualidade. Neoplasia. Pesquisa qualitativa. Religião.

Texto completo:

PDF PDF (English) PDF (Español)


CC-BY. Creative Commons Attribution 4.0 International.