Conflitos bioéticos sobre distanciamento social em tempos de pandemia

Autores

Resumo

Este artigo objetiva refletir sobre a medida de distanciamento social no cenário de pandemia de covid-19 sob o enfoque da bioética em saúde coletiva. Trata-se de estudo reflexivo que discute o conflito entre o respeito às medidas de distanciamento social e a liberdade individual, utilizando reportagens disponíveis em jornais on-line para exemplificar os argumentos envolvidos e contribuir com a reflexão. A temática foi analisada a partir do principialismo e da bioética social, buscando elementos que possam guiar o processo decisório. Conclui-se que a bioética é instrumental para a reflexão de usuários e profissionais da saúde, e ressalta-se a responsabilidade do Estado em prevenir doenças e garantir a saúde. Propõem-se que o risco para a saúde pública deve prevalecer sobre o individualismo. 

Palavras-chave:

Ética. Bioética. Infecções por coronavírus. Saúde pública.

Biografia do Autor

Carlise Rigon Dalla Nora, Professora Adjunta na Escola de Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Sul-UFRGS

Professora Adjunta na Escola de Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Sul-UFRGS. Pós-Doutora em Enfermagem pelo PPGENF-UFRGS. Doutora em Enfermagem pela Universidade Católica Portuguesa (UCP). Mestre em Saúde Coletiva. Enfermeira

Como Citar

1.
Dalla Nora CR. Conflitos bioéticos sobre distanciamento social em tempos de pandemia. Rev. bioét.(Impr.). [Internet]. 5º de abril de 2021 [citado 25º de junho de 2024];29(1). Disponível em: https://revistabioetica.cfm.org.br/revista_bioetica/article/view/2659