Proposta psicossocial para pacientes com enfermidades graves ou terminais


Resumo


O conhecimento dos profissionais de saúde sobre os conceitos contemporâneos do cuidado ao paciente fora de possibilidades terapêuticas precisa ser atualizado, contextualizado, considerando que além das abordagens técnicas necessárias muitas outras precisam ser valorizadas e aprendidas. Apesar dos avanços da biomedicina, concepções a respeito dos pacientes terminais necessitam de um olhar mais humanizado, pois em várias situações esses sujeitos em processo de doença são praticamente abandonados pela equipe de saúde, que acredita não poder mais auxiliá-los, despreparados que se sentem para ajudá-los a viver ou a morrer com dignidade e sofrimentos minimizados. Esses pacientes adoecem NAS DImensões física, psicoemocional, social e espiritual e seu sofrimento não pode ser aliviado simplesmente por abordagem biológica e técnica. Por sofrerem uma dor total o olhar do profissional necessita ser integral, para que realmente possa auxiliá-los no processo de morrer.

Palavras-chave


Cuidados paliativos. Autonomia. Humanização. Morte. Espiritualidade.

Texto completo:

PDF PDF (English)