Perfil dos médicos envolvidos em processos ético-profissionais – Paraíba: 1999 a 2009


Resumo


Este estudo documental teve por objetivo identificar, a partir de banco de dados secundário, o perfil dos médicos envolvidos em processos ético-profissionais (PEP) no Estado da Paraíba no período de 1999 a 2009. O material de análise compreendeu 169 PEP do Conselho Regional de Medicina do Estado da Paraíba, que envolviam 284 médicos. Considerando os resultados, verificou-se que o perfil do médico infrator se caracteriza como sendo do sexo masculino, com idade entre 50-59 anos, com mais de vinte anos de atividade profissional e exercendo a especialidade de Ginecologia e Obstetrícia. A família do paciente foi a que mais frequentemente formalizou denúncia contra os profissionais (32%).


Palavras-chave


Ética profissional. Prática profissional. Ética médica.

Texto completo:

PDF PDF (English)