Aspectos Éticos da Mortalidade no Brasil

Pedro Luiz Tauil, David Duarte Lima

Resumo


O artigo trata de aspectos éticos vinculados à estrutura de mortalidade no Brasil,a partir da utilização de parâmetros da mortalidade precoce e da mortalidade por causas evitáveis. São analisados alguns indicadores de saúde, como os coeficientes de mortalidade infantil e materna, os anos potenciais de vida perdidos, a esperança de vida ao nascer, a razão de mortalidade proporcional e a mortalidade  proporcional por grupo de causas. Conclui que, no Brasil, há um excesso de mortes precoces e de mortes por causas evitáveis. A estrutura de mortalidade é simplesmente expressão da desigualdade de acesso a bens e serviços propiciados pelo desenvolvimento econômico, científico e tecnológico.

Palavras-chave


Mortalidade infantil e materna; mortalidade precoce; mortalidade evitável

Texto completo:

PDF