Integralidade na perspectiva de enfermeiros da Estratégia Saúde da Família

Fabiana da Penha Colimoide, Maria Dyrce Dias Meira, Gina Andrade Abdala, Sarah Lidiane de Oliveira

Resumo


Este estudo objetivou conhecer a percepção de enfermeiros sobre a integralidade do ser humano na prática do cuidado de enfermagem no contexto da Estratégia Saúde da Família. Trata-se de pesquisa exploratória, descritiva,
de abordagem qualitativa, fundamentada na Teoria da Representação Social, com amostra de conveniência composta por 29 enfermeiros de uma Regional da Estratégia Saúde da Família entrevistados entre junho e setembro
de 2015. O conteúdo transcrito foi codificado e analisado com base na técnica do discurso do sujeito coletivo. Os entrevistados demonstraram clara percepção da importância da integralidade para o cuidado de enfermagem, ou seja, atender e ver o indivíduo como um todo, contemplando suas particularidades. Para que a assistência integral seja realizada no plano terapêutico são necessárias condições externas, envolvendo a atuação sincrônica da equipe multiprofissional com a macroestrutura do sistema, que se traduz em Redes de Atenção à Saúde.

 


Palavras-chave


Integralidade em saúde. Assistência integral à saúde. Cuidados de enfermagem. Promoção da saúde.

Texto completo:

PDF PDF (English) PDF (Español)