Bioética e atendimento a mulheres vítimas de violência sexual: revisão de literatura

Paula Peixoto Messias Barreto, Juciara de Santana Silva, Edite Lago da Silva Sena, Rita Narriman Silva de Oliveira Boery, Sérgio Donha Yarid

Resumo


Buscando efetuar revisão de literatura sobre atendimento a mulheres vítimas de violência sexual, realizou-se busca em periódicos indexados nas bases de dados da Biblioteca Virtual de Saúde e Scopus, considerando publicações a partir do ano de 2003. A coleta de dados foi realizada em maio de 2013, utilizando descritores “violência sexual” (“sexual violence”), “assistência” (“assistance”), “serviços de saúde da mulher” (“women’s health services”), “aborto” (“abortion”) e “gravidez” (“pregnancy”). Foram recuperados quinze artigos, e os resultados foram agrupados em categorias temáticas: aspectos bioéticos relacionados ao acesso de mulheres a serviços de atendimento, e aspectos bioéticos presentes no atendimento. A discussão ocorreu à luz da bioética do risco e proteção, evidenciando que o Estado deve garantir a universalidade do acesso às vítimas de violência sexual e os profissionais de saúde devem estar bioeticamente preparados para esse atendimento.


Palavras-chave


Bioética. Violência sexual. Serviços de saúde da mulher.

Texto completo:

PDF PDF (English) PDF (Español)