Aspectos éticos e bioéticos na entrevista em pesquisa: impacto na subjetividade

Thereza Salomé D’Espíndula, Beatriz Helena Sottile França

Resumo


Numerosos projetos de pesquisa envolvendo entrevistas transmitem a impressão de que essa é uma forma de abordagem inócua, não apresentando riscos – o que não é verdade. A entrevista, como método de investigação, está sujeita à ética do relacionamento humano. Mediante revisão de literatura e culminando
com uma análise crítica, são pontuadas separadamente características da entrevista, do entrevistado e do entrevistador, para depois serem reunidas como parte de um mesmo contexto ao levar a cabo a entrevista propriamente dita. Alguns aspectos dessa interação entrevistador-entrevistado não podem deixar de ser respeitados, escolhendo-se sempre a forma mais adequada de proceder aos questionamentos. Porém, quando parte imprescindível da pesquisa, algumas questões, mesmo delicadas, não podem ser deixadas de lado, e isso exigirá, por parte do entrevistador, irrepreensível posicionamento ético.


Palavras-chave


Bioética. Entrevista. Ética em pesquisa. Relações pesquisador-sujeito. Vulnerabilidade em saúde.

Texto completo:

PDF PDF (English) PDF (Español)